Recém-nascido de mãe portadora de Estreptococos do grupo B

Ir em baixo

Recém-nascido de mãe portadora de Estreptococos do grupo B Empty Recém-nascido de mãe portadora de Estreptococos do grupo B

Mensagem por amaral bernardo em Qui 23 Maio 2019, 06:30

"Filho de mãe com Streptococos B positivo: como codificar?



(Responde Fernando Lopes)
 
 
Newborn affected by maternal factors and by complications of pregnancy, labor, and delivery (P00-P04) 
Note: 
These codes are for use when the listed maternal conditions are specified as the cause of confirmed morbidity or potential morbidity which have their origin in the perinatal period (before birth through the first 28 days afterbirth). 
P00 Newborn affected by maternal conditions that may be unrelated to present pregnancy 
Code first any current condition in newborn 
Excludes2: 
encounter for observation of newborn for suspected diseases and conditions ruled out (Z05.-)
newborn affected by maternal complications of pregnancy (P01.-)
newborn affected by maternal endocrine and metabolic disorders (P70-P74)
newborn affected by noxious substances transmitted via placenta or breast milk (P04.-) 
(...) 
P00.2 Newborn affected by maternal infectious and parasitic diseases
Newborn affected by maternal infectious disease classifiable to A00-B99, J09 and J10
 
Estes códigos incluem tanto a morbilidade confirmada como a potencial. O facto de a mãe ser portadora do Streptococos do Grupo B implica mais atenção com o recém-nascido e, até, a profilaxia antibiótica. Isso já representa um recém-nascido 'afetado' por mais cuidados do que é habitual.
Para aplicação do código P00.2 não faz diferença a mãe estar infetada ou ser apenas ser portadora. O recém-nascido será sempre 'afetado' no sentido de receber mais cuidados.
A diferença irá fazer-se na codificação da mãe de um código de portadora (O99.824 Streptococcus B carrier state complicating childbirth) ou de infeção (O23.- Infections of genitourinary tract in pregnancy + B95.1 Streptococcus, group B, as the cause of diseases classified elsewhere) conforme o caso.
 
Se o recém-nascido for estudado e a infeção for excluída será aplicável o código 
Z05 Encounter for observation and evaluation of newborn for suspected diseases and conditions ruled out
This category is to be used for newborns, within the neonatal period (the first 28 days of life), who are suspected of having an abnormal condition, but without signs or symptoms, and which, after examination and observation, is ruled out. 
(...)
Z05.1 Observation and evaluation of newborn for suspected infectious condition ruled out
Segundo as Guidelines este código pode ser utilizado como adicional quando o episódio for o do nascimento (caso em que o principal será da categoria Z38 Liveborn infants). Quando se tratar duma admissão para estudo da infeção que vem a ser excluída, Z05 será obrigatoriamente utilizado como diagnóstico principal.
 
--

amaral bernardo
amaral bernardo

Mensagens : 322
Data de inscrição : 19/12/2016

Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum